segunda-feira, março 06, 2006

Parlamento Autonómico Andaluz, Sevilla

É um óptimo exemplo de recuperação e “reciclagem” de um edifício antigo: era uma igreja abandonada, no imenso pátio de um antigo hospício barroco sevilhano, da época da prata americana. O edifício do hospital, que tinha outros nove pátios, alberga serviços da Região Autónoma da Andaluzia. O amplo espaço do templo serve de hemiciclo ao parlamento autonómico.

A igreja está hoje dessacralizada. Já não tem culto nem nada que se pareça. Mas o lindíssimo altar de madeira policromada continua lá, com representações de figuras evocativas dos evangelhos. É engraçado o pormenor de ter um enorme telão na base, que sobe quando há sessões do órgão representativo do povo. A ideia é cobrir, de forma a ocultar o altar e as suas figuras enquanto decorre a sessão. Em nome da laicidade do Estado e coisas dessas.
Recorde-se que neste órgão colectivo, o Partido Socialista Operário Espanhol ocupa 61 dos 109 lugares…

Sem comentários: