segunda-feira, março 23, 2009

"Avenue des Portugais", Paris

Por mais que se programem e organizem, as viagens nunca decorrem como o viajante as prepara. Em viagem, acontecem-lhe sempre surpresas. E ainda bem.
Vem esta consideração a propósito de algo que o viajante descobriu, caminhando por Paris. De mapa na mão e nariz no ar, à procura de uma determinada curiosidade, foi o viajante surpreendido pelo nome de uma pequena rua transversal ao seu percurso: Avenue des Portugais. A surpresa foi maior por estar numa das mais nobres zonas da cidade e não nos subúrbios desta que é a terceira cidade portuguesa (ou pelo menos da terceira cidade com mais habitantes portugueses…). De facto, passava o viajante na Avenue Kléber, logo à saída da Place Charles de Gaulle, quase ao lado da coquete Avenue Foch e muito próximo da Avenue des Champs-Elysées.

Avenue des Portugais, ou Avenida dos Portugueses. Ao lado, uma lápide esclarece que o nome da artéria foi escolhido pelas autoridades municipais de Paris, em 1918, como homenagem aos 30.000 soldados portugueses que combateram do lado das forças aliadas na libertação de França. Portanto, os portugais são os membros do Corpo Expedicionário Português que, entre 1917 e 1918 intervieram na Grande Guerra, mas tarde conhecida como Iª Guerra Mundial.
É certo que a avenida é curta – terá talvez cem metros de extensão. E é também certo que entre um hotel, num dos lados e um edifício público no outro, ambos com fachadas viradas para a Avenue Kleber, não há nenhum edifício com portas para esta avenida – é uma via para onde dão apenas janelas de edifícios.
Mas é elegante e está numa zona chiquérrima de Paris. O gesto do município parisiense foi bonito e o viajante não conseguir evitar orgulho ao passar por aqui.

Sem comentários: