terça-feira, abril 19, 2011

Raval, Barcelona


Pode ser verdade que o português seja uma língua traiçoeira. Mas o catalão não o é menos.

Sem comentários: